Destaques arredondados Z2

6/Z2/ticker-posts

Publicidade:

Bolsonaro diz repudiar 'ação armada' de Jefferson, critica inquérito de Moraes e manda ministro ao Rio para acompanhar caso

Na postagem, Bolsonaro ainda afirma ter enviado o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, ao Rio de Janeiro para acompanhar o caso.

Foto: Ilustração internet
::: Siga o Portal Spy no Google Notícias :::
Minutos após o ex-deputado Roberto Jefferson (PTB-RJ) trocar tiros com policiais federais, o presidente Jair Bolsonaro afirmou neste domingo repudiar a "ação armada" do aliado, assim como os ataques feitos por ele à ministra Cármen Lúcia, do Supremo Tribunal Federal (STF). Em sua página no Twitter, o presidente, no entanto, não poupou o presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Alexandre de Moraes, e criticou a "a existência de inquéritos sem nenhum respaldo na Constituição e sem a atuação do MP".
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -

Na postagem, Bolsonaro ainda afirma ter enviado o ministro da Justiça e Segurança Pública, Anderson Torres, ao Rio de Janeiro para acompanhar o caso. Neste domingo, Moraes determinou a prisão de Roberto Jefferson após o ex-deputado federal gravar vídeo atacando a ministra Cármen Lúcia com xingamentos machistas. Jefferson está em prisão domiciliar e proibido de usar redes sociais.

Leia matéria completa: (Clique aqui)
::: Clique aqui e participe do Grupo de WhatsApp de notícias de Juazeiro, Bahia e Petrolina, Pernambuco :::
Encontrou algum erro na matéria? Avise-nos clicando aqui! 
O post 'Bolsonaro diz repudiar 'ação armada' de Jefferson, critica inquérito de Moraes e manda ministro ao Rio para acompanhar caso' apareceu primeiro no Portal Spy.
Fonte: O Globo
Licença Creative Commons
Cópia sem citação da fonte, com link para matéria original, estará sujeita a punições legais.
Comente esta matéria em nosso facebook.

Confira outras notícias em áudio pelo Spy Cast
O canal de podcasts do Portal Spy:

Postar um comentário

0 Comentários