Destaques arredondados Z2

6/Z2/ticker-posts

Publi topo do site

Publicidade:
Publi aqui - Portal Spy

Seis pessoas são condenadas por tráfico de drogas, organização criminosa e lavagem de dinheiro em Juazeiro-BA; Amadeus e o filho dele estão na lista

As penas variam de sete anos e seis meses a 29 anos e cinco meses de prisão.

Fotos: Reprodução internet

Na segunda-feira, dia 5, o Fórum Conselheiro Luiz Viana Filho, em Juazeiro, sediou o julgamento do Vereador Amadeus dos Santos e de seu filho Manoel Luiz dos Santos, alvos da “Operação Astreia” da Polícia Federal, deflagrada em julho de 2023.

Amadeus dos Santos, que está foragido desde a decretação de sua prisão preventiva em 20 de julho de 2023, foi sentenciado a 7 anos e 6 meses de reclusão, perdendo também o cargo de vereador. Seu filho, Manoel dos Santos, recebeu uma sentença de 29 anos de detenção.

Além disso, outros quatro membros da organização criminosa também foram condenados.

Relembre o caso: 
A Polícia Federal, com o apoio do GAECO - Grupo de Atuação Especial de Combate às Organizações Criminosas e Investigações Criminais do MPBA e das Polícias Militares dos estados da Bahia e de Pernambuco, deflagrou no dia 20/06/2023, a Operação ASTREIA, com o objetivo de desarticular facção criminosa especializada em tráfico de drogas para os estados da Bahia e Pernambuco.

Mais de 70 Policiais Federais, com a participação dos Grupos de Pronta Intervenção-GPI da Superintendência Regional da PF na Bahia e da Superintendência Regional da PF em Sergipe, cumprem nove mandados de prisão temporária e 12 Mandados de Busca e Apreensão, nos estados da Bahia, 
Pernambuco e Sergipe. Foi deferido, ainda, o sequestro de bens e bloqueio de valores de oito investigados.

As investigações revelaram conexão do grupo criminoso investigado com uma série de delitos, dentre eles tráfico de drogas, armas e homicídios, aumentando significativamente a violência local. Constatou-se, ainda, que o líder da facção, apesar de ser Juazeirense, estaria residindo em Aracaju/SE, de onde comandava a atuação do referido grupo criminoso. 

Nos meses seguintes outras fases da operação foram deflagrados com intuito de 
cumprir outros mandados de prisão.

Veja publicação no Instagram:

Postar um comentário

0 Comentários

Publicidade: