Destaques arredondados Z2

6/Z2/ticker-posts

Publicidade:
Publi aqui - Portal Spy

Mãe mata filho recém-nascido a golpes de machado no interior do Maranhão; mulher foi detida

Foto: Reprodução

Na manhã desta quarta-feira (3), uma terrível tragédia chocou a pequena cidade de Codó, a 290 km de São Luís. Uma mulher de 36 anos foi presa após assassinar o próprio filho recém-nascido, Cristiano Ronaldo, de apenas 23 dias de vida. O crime ocorreu na zona rural, no povoado Penha, por volta das 4h40, e a vítima foi morta a golpes de machado.

O pai da criança relatou à polícia que, ao acordar, percebeu que a esposa havia saído para a área externa da casa com o bebê. Ao questioná-la sobre a localização do filho, a mãe confessou ter cometido o terrível ato. Desesperado, o pai chamou vizinhos e parentes para conter a mulher, que ainda tentou atacar a própria filha de 9 anos.

A mãe foi imobilizada pelo grupo, que acionou imediatamente a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU). Ao chegar ao local, o SAMU confirmou o óbito do bebê, constatando dois golpes de machado, um no pescoço e outro na orelha.

A mulher foi conduzida à 4ª Delegacia Regional de Polícia Civil de Codó, onde foi autuada em flagrante pelo crime de infanticídio. O pai, em depoimento, afirmou que a esposa nunca havia demonstrado comportamento violento, embora nos últimos dias tenha mencionado sentir-se deprimida.

O delegado Rômulo Vasconcelos, responsável pelo caso, destacou que a mulher será encaminhada ao presídio. Na audiência de custódia, caso seja levantada a possibilidade de depressão pós-parto, caberá ao juiz decidir sobre a avaliação psicológica da mãe.

Cristiano Ronaldo, o quinto filho do casal, completaria um mês de vida no dia 11 de janeiro. A 4ª Delegacia Regional de Codó continua as investigações para esclarecer os detalhes que levaram a essa triste e brutal ocorrência.

Postar um comentário

0 Comentários

Ad Code

Publicidade::
Publi aqui - Portal Spy