Em Juazeiro, trabalhadores de limpeza paralisam atividades após cancelamento temporário de vacinação contra a Covid-19

Protesto começou nesta quinta-feira (20). Segundo a categoria, prefeitura chegou a anunciar vacinação deles, mas teria voltado atrás após recomendação do MP. O sindicato acompanha a categoria em todo o estado e cobrou uma posição do Ministério Público da Bahia.

Os trabalhadores de limpeza do município de Juazeiro, no norte da Bahia, estão parados por causa do cancelamento temporário da vacinação contra a covid-19. A informação foi anunciada pelo SindilimpBA, nesta quarta-feira (18). O sindicato acompanha a categoria em todo o estado e cobrou uma posição do Ministério Público da Bahia (MP-BA). De acordo com a coordenadora-geral, Ana Angélica Rabello, a situação pode ser configurada como racismo estrutural e institucional e que pode ser refletida em outras cidades, caso as gestões municipais tomem a mesma decisão que Juazeiro.
Link de Grupo de whatsapp de notícias de Juazeiro Bahia, Petrolina Pernambuco
“Pararam a vacinação por falta de organização da gestão. Estão alegando que há público na frente, mas não existe isso. São todos públicos prioritários, se tem vacina e a pessoa chega para receber sua dose, já que tem direito, tem que ser aplicada. A decisão por paralisação é acertada e o sindicato defende e sustenta essa manifestação. Os garis e margaridas são prioridades no Brasil todo, foi uma conquista difícil e árdua“, aponta a sindicalista Ana Angélica, que defende o retorno imediato do plano de vacinação dos profissionais.
-   CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE   -Publicidade - Meio do Post - Portal Spy
Segundo a coordenadora-geral, a paralisação pode acontecer em outras cidades baianas também. Ela explica que tem localidades que vacinaram apenas 37 trabalhadores de limpeza urbana. Para Ana, o cancelamento temporário da vacinação só piora a exposição dos profissionais, que atuam diariamente nas ruas para manter a limpeza dos grandes e pequenos centros urbanos. “A gente não vai parar de cobrar celeridade na vacinação e na ampliação dos públicos-alvo e não vamos tolerar diferenças no tratamento. Prioridade é prioridade em todo o lugar, não existe alguém mais prioritário que o outro“, sintetiza Ana.
Comente esta matéria em nosso facebook.Com informações: Ascom/SindilimpBA
via: Portal Spy Licença Creative Commons
Cópia não autorizada estará sujeita a punições legais.
Ver notícias de Juazeiro-BA, Ver notícias de Petrolina-PESite de Notícias de Juazeiro-BA e Petrolina-PEBlog de notícias de Juazeiro -
Link de Grupo de whatsapp de notícias de Juazeiro Bahia, Petrolina Pernambuco
, Blog Geraldo José - RedeGN, Blog Carlos Britto, Rádio Juazeiro AM 1190, Rádio Cidade AM 870, Blog do Coronel, Blog Vale em Foco, Blog Edenevaldo Alves, Blog Preto no Branco, Blog do Farnésio, Blog Waldiney Passos, Blog Petrolina em Destaque, Blog do Vinícius Santana, Blog Petrolina News, Blog do Ricardo Banana

Postar um comentário

0 Comentários