Destaques arredondados Z2

6/Z2/ticker-posts

Publi topo do site

Publicidade:
Publi aqui - Portal Spy

Banco de Alimentos de Juazeiro bate recorde e soma mais de 200 mil quilos de doações para famílias em vulnerabilidade social

Ascom/ PMJ

Esperança e solidariedade. São estas as duas palavras que representam o Banco de Alimentos, ação desenvolvida pela Prefeitura de Juazeiro, através da Autarquia Municipal de Abastecimento (AMA), da Secretaria de Desenvolvimento Social, Mulher e Diversidade (Sedes) e da Agência de Desenvolvimento Econômico, Agricultura e Pecuária (Adeap). O programa tem garantido auxílio a famílias em situação de vulnerabilidade social, reduz o desperdício de alimentos e ainda possibilita a complementação alimentar de qualidade.

Para que os alimentos cheguem a 19 instituições filantrópicas e aos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) de Juazeiro há uma verdadeira força-tarefa. Frutas, verduras, legumes e cereais são doados, diariamente, por permissionários do Mercado do Produtor e encaminhados à Central de Serviços e Apoio à Agricultura Familiar (CESAF), onde é feita a triagem e separação de kits, quando são encaminhados aos CRAS e entidades cadastradas.

Até outubro de 2023, o Banco de Alimentos somou mais de 200 mil quilos de doações, número que foi alcançado em 2022 apenas no final do ano. “Na gestão da prefeita Suzana Ramos nós aumentamos o número de instituições e esse número vem crescendo. Temos uma programação onde, todos os dias, atendemos a um CRAS e a uma instituição. A depender do volume de doações, entregamos a mais de uma instituição. Costumo dizer que o nosso trabalho não mata a fome de ninguém, mas diminui a fome de muita gente”, destaca a coordenadora da CESAF, Maria Helena Carvalho.

Uma das instituições auxiliadas pelo Banco de Alimentos ficou nacionalmente conhecida após aparecer no Programa Domingão com Huck. É o ‘Sopão da Esperança’, gerido por Nádia Ribeiro. “O Banco de Alimentos é essencial para o projeto. São 14 comunidades mais vulneráveis de Juazeiro que recebem o sopão, que só é possível através dos permissionários do Mercado do Produtor, que fazem as doações de frutas e verduras. Para o meu projeto social, ele tem sido de suma importância e eu sou muito grata a toda a equipe da Prefeitura de Juazeiro por tudo”, celebra Nádia.

Para o diretor-presidente da AMA, Daniel Mota, o Banco de Alimentos é um dos motivos de orgulho da Autarquia. “É uma alegria imensa o Mercado do Produtor de Juazeiro participar de uma ação tão grandiosa como essa. Só temos a agradecer aos permissionários que, diariamente, nos auxiliam com as doações. Todos os dias são doadas três toneladas, que atendem cerca de 8 mil pessoas por semana e 32 mil no mês”, disse Daniel Mota.

Postar um comentário

0 Comentários

Publicidade: