Destaques arredondados Z2

6/Z2/ticker-posts

Ex-garimpeiro aprovado em universidade federal agora é professor: “Um sonho”

Em 2009 ele fez um supletivo no que hoje é o EJA. 


Do garimpo às salas de aula! Esse ex-garimpeiro fez supletivo, foi aprovado em uma universidade federal e agora virou professor na Educação de Jovens e Adultos, o EJA.

Robson Alves da Silva tem 48 anos e é natural de Minas Gerais. Aos 20 anos o homem se mudou para Serra, Espírito Santo. Em 2009 ele fez um supletivo no que hoje é o EJA. Ele, que só tinha a 7° série na época e virou a chave da vida!

Depois de concluir o Ensino Fundamental e Médio, ele conseguiu bolsa de 100% para cursar história em uma faculdade privada, mas ele queria mais. Pouco tempo depois, uma notícia boa: Robson foi aprovado na Universidade Federal do Espírito Santo!

Infância dura no garimpo
A infância foi difícil. O sonho de ser professor era antigo, mas as condições vividas por Robson adiaram a carreira na educação.

Na adolescência, ele viveu do garimpo. Era de onde ele tirava renda para se manter.

A mudança começou literalmente com um deslocamento.

Robson saiu de Minas Gerais e se mudou para o Espírito Santo.

Volta às aulas
Foi na Serra que o desejo de se tornar uma das profissões mais nobres que existe reacendeu.

Ele, que tinha a 7° série completa, voltou a estudar. O primeiro passo aconteceu na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) Jonas Farias.

Lá, Robson concluiu o Ensino Fundamental na Educação para Jovens e Adultos.

Pouco tempo depois, ele também concluiu o Ensino Médio. As portas para a universidade estavam abertas.

Aprovações
E ele não demorou a ser aprovado. Robson conseguiu uma bolsa de 100% pelo Prouni em 2013.

“Fui estudar história em uma faculdade particular”.

A história não acabava ali. No mesmo ano, uma notícia melhor ainda chegou.

“Passei no vestibular para cursar Geografia na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), onde me formei em Licenciatura e Bacharel em Geografia”, contou.

Com o diploma em mãos, o sonho de professor, adiado na infância, estava prestes a se tornar realidade.

Em 2019 o ex-garimpeiro fez o processo seletivo para dar aula. Aprovado, quase depois de 30 anos, o sonho de Robson estava completo.

Agora, ele trabalha na prefeitura da Serra dando aula na EMEF Belvedere e EMEF Djanira Maria de Araújo, ambas para alunos do EJA. Ele também leciona para alunos do ensino fundamental regular.

“As coisas foram acontecendo e hoje é emocionante atuar com o público do qual um dia eu fiz parte. Era um sonho que tinha desde criança, o de ser professor. E eu sempre gostei de Geografia”, comemorou.

Referência para outros estudantes

No EJA, hoje ele é referência para muitos que estão ali.

Com o sonho realizado, Robson se esforça ao máximo para deixar as aulas mais dinâmicas.

“O professor, além de dominar o conteúdo que ele trabalha, é preciso atrair o aluno para a disciplina. O conteúdo é importante, mas estamos vivendo um período em que é preciso desenvolver novas habilidades, não para substituir o livro didático, mas para que o estudante se sinta inserido no assunto”, concluiu. Fonte: Só Notícia Boa

Postar um comentário

0 Comentários

Publicidade:

Ad Code

Publicidade: