Destaques arredondados Z2

6/Z2/ticker-posts

Publi topo do site

Publicidade:
Publi aqui - Portal Spy

Polícia Civil prende seis investigados por integrar grupo criminoso atuante na prática de assassinatos em Juazeiro (BA) [áudio]

Prisões foram efetuadas nesta quarta-feira (19).

Foto: Ilustrativa

Ouça reportagem por Samuel Laudilio:

A Polícia Civil realizou nesta quarta-feira (19) o cumprimento de seis mandados de prisão preventiva contra integrantes de um grupo criminoso envolvido em homicídios em Juazeiro, Bahia. A ação foi resultado de investigações conduzidas pela Delegacia de Homicídios de Juazeiro, com apoio do Núcleo de Inteligência da 17ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) e da 7ª Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes (DTE).

De acordo com informações da polícia, publicadas pelo Portal Spy/Rede Seta, os mandados foram expedidos pela Vara do Júri de Juazeiro e estão relacionados a crimes de homicídio qualificado e associação criminosa. O grupo vinha atuando nas cidades de Juazeiro, na Bahia, e Petrolina, em Pernambuco, praticando homicídios, tráfico de drogas e posse/porte ilegal de armas de fogo.
- CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE -
Publi aqui - Portal Spy

As prisões foram realizadas em Juazeiro, Petrolina e Aracaju. Um jovem de 26 anos, suspeito de chefiar o grupo, um de 23, dois de 21 e outra dupla que não teve as idades reveladas foram presos.

Os mandados foram cumpridos em presídios das respectivas cidades, onde os investigados já se encontravam presos temporariamente durante o período de investigação. As investigações foram concluídas com o indiciamento dos suspeitos pelos crimes mencionados e a representação pela prisão preventiva de todos os integrantes do grupo.

Os mandados de prisão estão relacionados ao caso do assassinato de Paulo Lourenço da Silva, de 21 anos, ocorrido em 20/05/2023, na Rua 16 do Bairro Tabuleiro, em Juazeiro. O crime teria sido motivado por vingança e disputa de territórios para o tráfico de drogas na cidade (clique aqui e relembre o caso).

Postar um comentário

0 Comentários

Publicidade: