quinta-feira, 17 de outubro de 2019

Miguel Coelho dispara com 32 pontos de vantagem na primeira pesquisa para eleição 2020

Miguel Coelho dispara com 32 pontos de vantagem na primeira pesquisa para eleição 2020 - Portal Spy

O Instituto Opinião apresentou a primeira pesquisa para as eleições municipais de Petrolina no próximo ano. O atual prefeito da cidade, Miguel Coelho, aparece liderando as intenções de voto com 32 pontos de vantagem para o segundo colocado. No entanto, com o cenário da pesquisa, haveria segundo turno, no qual Miguel venceria todos os concorrentes.
 Comente esta matéria em nosso facebook.Caso a eleição acontecesse hoje, o atual prefeito estaria com 45,4% das intenções de voto contra 13,3% de Júlio Lossio (PSD) e 13,1% de Odacy Amorim (PT). Gabriel Menezes (PSL) teria 6%, 2% a mais que Lucas Ramos (PSB), com 4%. Brancos e nulos somam 7,3% e somente 10,9% se manifestaram indecisos.

Júlio mais rejeitado
No quesito rejeição, o ex-prefeito Júlio Lossio aparece na liderança. Dos entrevistados, 22,2% disseram que não votariam nele de jeito nenhum. Em seguida, aparece Odacy com 13,8%, depois Gabriel com 11,6% e Lucas Ramos, 10,4%. Por último, Miguel tem 9,6%. Ainda entre os entrevistados, 5,8% disseram que rejeitam todos e 26,6% afirmaram que não rejeitam nenhum dos candidatos apresentados.
Veja mais notícias da política na região: (clique aqui)
Segundo turno
O Opinião testou ainda cenários de segundo turno em Petrolina e neles o prefeito leva vantagem em todos. Frente a Lossio, Miguel venceria por 61,1% dos votos contra 22,7%. Dos entrevistados, 9,3% disseram que anulariam ou votariam em branco e 6,9% se apresentaram indecisos.

Frente ao candidato do PT, Odacy Amorim, Miguel teria 58,3% dos votos contra 27,3%. Dos entrevistados, 8,4% disseram que votariam em branco ou anularia e 6% se apresentaram indecisos.

No cenário Miguel contra Lucas, o prefeito ganharia com 67,6% dos votos contra 14,4%. Brancos e nulos somariam 11,1% e 6,9% se apresentaram indecisos. Já se o candidato fosse Gabriel, o prefeito teria 64,4% dos votos contra 18,9%.

Na espontânea, modelo pelo qual o eleitor é obrigado a lembrar o nome do candidato sem o auxílio da cartela com todos os postulantes, Miguel se mantém com folga na liderança. Desponta com 30,2% das intenções de voto contra apenas 3,3% de Odacy Amorim, 2,4% de Lossio e 0,4% de Gabriel. Neste cenário, indecisos sobem para 58,6% e 4,9% disseram que não sabiam responder ou se recusaram.

A pesquisa foi a campo entre os 11,12 e 13 últimos, sendo aplicados 450 questionários com margem de erro de 3,9 pontos para mais ou para menos e 90% de intervalo de confiança. A modalidade de pesquisa adotada envolveu a técnica de Survey, que consiste na aplicação de questionários estruturados e padronizados a uma amostra representativa do universo de investigação. Foram realizadas entrevistas pessoais e domiciliares.

Fonte: Blog do Magno
Via: Portal Spy

Postar um comentário

Notícias por Categoria

...
Veja mais notícias organizadas por categoria

Whatsapp Button works on Mobile Device only